Dedógrafo

Tome nota | Por Adriana Bezerra | 1 ano atrás | 331 |

Depois de estarrecer os paraibanos com uma licitação que superfaturava ate o preço do pão Frances (a unidade custaria aos cofres municipais R$ 11,00), o prefeito de Cajazeiras José Aldemir tratou de colocar a culpa no digitador do pregão. Ele avisou ainda que colocará câmeras na sala em que se realiza as licitações.